Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 

Ano-Novo deve ter chuva e nebulosidade na maioria das regiões, diz Inmet

31 de dezembro de 2010

Chuva e tempo nublado devem predominar na maior parte do país entre a noite do reveillon e o primeiro dia de 2011. As exceções são os estados do Nordeste, onde o quadro é de sol e poucas nuvens. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). 

No Rio de Janeiro, a queima de fogos pode ser ofuscada por chuva e muitas nuvens, com temperaturas variando de 19 graus Celsius (oC) a 30 oC no dia 1º. Apesar disso, não estão previstas chuvas muito intensas sobre a capital fluminense, com predominância de pancadas. 

Em Brasília, durante a posse da presidenta eleita Dilma Rousseff poderá ter a ocorrência de chuvas e trovoadas em áreas isoladas, com a temperatura mínima de 18 oC e a máxima chegando a 25 oC. 

O Inmet prevê a continuidade de chuva sobre os estados de Minas Gerais e do Espírito Santo. Os mineiros deverão ter chuvas e pancadas em praticamente todas as regiões, mesma situação vivenciada pelos capixabas, mantendo os alertas das defesas civis estaduais sobre o risco de desabamentos e enchentes. Em São Paulo, a previsão é de chuva e trovoadas em quase todas as regiões. 

A entrada do novo ano também deverá ser abaixo de chuva para a maior parte da Região Norte, exceto em Roraima. Melhor sorte terão os nordestinos, onde o céu limpo deverá predominar em quase todos os estados, com pancadas isoladas apenas no sul do Maranhão, centro-sul do Piauí e parte da Bahia. 

No Sul, previsão é de céu parcialmente nublado, com aumento da nebulosidade ao longo do dia, com possibilidade de chuva no final da tarde e à noite.

Fonte: Agência Brasil


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
05/12/2019 - EDITAL DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL HANNE MACHADO HANS & CIA LTDA05/12/2019 - POLÍTICA - Deputados suspensos do PSL se reúnem com Maia para tentar manter Eduardo líder05/12/2019 - POLÍTICA - Em CPI, Joice diz que País é governado por filhos do presidente05/12/2019 - POLÍTICA - Justiça absolve Lula, Dilma, Palocci e Mantega no ‘quadrilhão do PT’05/12/2019 - ESPORTE - Fluminense empata com Fortaleza e fica em vantagem por vaga na Sul-Americana05/12/2019 - ESPORTE - São Paulo supera o Inter e garante vaga na fase de grupos da Libertadores05/12/2019 - POLÍTICA - ‘Tratados de forma adequada’: Coronel David comemora morte de membros de facção baiana em MS05/12/2019 - POLÍCIA - Fazendeiro de MS herdou rotas de narcotráfico do PCC após morte do sogro05/12/2019 - POLÍTICA - Deputados liberam Governo de MS para cassar aposentadoria de servidores punidos05/12/2019 - POLÍTICA - Simone Tebet reage e pede reunião da CCJ para analisar projeto da 2ª instância05/12/2019 - POLÍTICA - CPI da Energisa ouvirá engenheiro que comprovou falha em relógio e decreta sigilo05/12/2019 - POLÍTICA - ‘Carona’ na Pec de Reinaldo quer reajuste automático para servidores de MS com altos salários05/12/2019 - ESTADO - Com medo de conflito fundiário, fazendeiro de Dourados fabrica trator blindado para plantar05/12/2019 - ESTADO - Saúde do homem é destaque em ações realizadas com reeducandos durante o mês de novembro05/12/2019 - ESTADO - Detran-MS registra aumento de 8% na frota de veículos do Estado nos últimos 3 anos05/12/2019 - ESTADO - Campo Grande sedia reunião ampliada do Conselho Estadual de Assistência Social05/12/2019 - ESTADO - Leilão da MS-306 acontece nesta quinta-feira (5) na Bolsa de Valores de São Paulo04/12/2019 - ESTADO - Pontes de alvenaria: Vaz intercede por assentados04/12/2019 - PARANAÍBA - PF prende dez pessoas e apreende 7 aviões em operação contra tráfico internacional de drogas04/12/2019 - ESTADO - Campanha “MS Unido, Paz nas Famílias” será lançada nesta quarta-feira