Notícias

0 2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 

POLÍTICA - 'Se puder, serei candidato', diz Lula a rádio de Sergipe

20 de abril de 2017

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta quinta-feira, 20, que, "se puder", vai disputar o Palácio do Planalto pela sexta vez em 2018. Ele disse, porém, que terá de aguardar para a decisão. "Vamos esperar o tempo passar, para a gente saber quem é que pode ser candidato, se eu posso ser candidato, se não posso ser candidato", afirmou, sem explicar o que poderia impedir sua candidatura.

Lula é réu em cinco ações na Justiça e investigado na Operação Lava Jato. Se condenado e a decisão for confirmada em segunda instância, o petista fica inelegível.

Em entrevista à rádio Fan FM de Sergipe, Lula afirmou que será candidato "para ganhar, não para perder". "Já perdi a cota de eleições que tinha para perder", disse, referindo-se às eleições de 1989, 1994 e 1998. "Depois, eu aprendi a ganhar", afirmou o ex-presidente, eleito em 2002 e reeleito em 2006. "Se puder, serei candidato", enfatizou o petista.

Lula também foi questionado sobre uma eventual "chapa nordestina" para as eleições presidenciais ao lado de Ciro Gomes (PDT-CE) "É muito difícil dizer isso. Pelo que tenho visto na imprensa, o companheiro Ciro Gomes é candidato a presidente também", afirmou. "Ainda vai se apresentar muita gente", completou.

Sobre as duas pesquisas eleitorais divulgadas nesta semana, do Ibope e do Vox Populi/CUT, que afirmaram que Lula é o presidenciável com maior intenção de votos, o petista preferiu não comentar. "É muito cedo para a gente falar de pesquisa, ainda faltam praticamente dois anos para as eleições. Eu não gosto de comentar pesquisa", disse. "Estou convencido de que, se eu for convidado, tenho condições de ganhar as eleições porque eu sei como cuidar das pessoas mais humildes de regiões diferenciais. Não é teoria não, é prática."

Citado nas delações da Odebrecht, o ex-presidente não quis comentar as acusações e afirmou que prefere falar ao juiz Sérgio Moro no próximo dia 3, quando tem um depoimento marcado em Curitiba. "O que eu tiver que falar e o que eu penso, vou falar no dia 3. Não tenho que provar minha inocência, eles que vão ter que provar minha culpa", disse Lula. "Eu duvido que encontrem 50 centavos meus em algum lugar do mundo. Podem continuar investigado."

Na entrevista, o petista também fez críticas às reformas trabalhista e da Previdência, propostas pelo governo de Michel Temer (PMDB) e que tramitam no Congresso Nacional.

 

0001 Auto Elétro Modelo

Fonte: Agência Estado


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
28/04/2017 - PARANAÍBA - Servidores públicos municipais já podem sacar salário de abril28/04/2017 - GERAL - Figurinista desiste de incriminar José Mayer em caso de assédio28/04/2017 - PARANAÍBA - Prazo para regularizar situação eleitoral vence no dia 2 de maio28/04/2017 - PARANAÍBA - Carnês do IPTU 2017 já disponíveis para os contribuintes28/04/2017 - PARANAÍBA - Procon esclarece sobre espera na fila de Banco28/04/2017 - EDITAL DE PROCLAMAS N°226228/04/2017 - EDITAL DE PROCLAMAS N°226128/04/2017 - EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA ELEIÇÃO DE DIRETORIA GESTÃO 2017/201928/04/2017 - GERAL - Pacientes obesos e diabéticos podem se beneficiar de aparelho de radiofrequência28/04/2017 - ECONOMIA - Empresas orientam funcionários a trabalharem em casa durante greve28/04/2017 - ECONOMIA - Doria elogia polícias e garante multa a sindicatos de rodoviários28/04/2017 - ECONOMIA - Manifestantes e taxistas se enfrentaram no Aeroporto Santos Dumont28/04/2017 - ECONOMIA - Contas de luz continuam com bandeira vermelha em maio28/04/2017 - GERAL - Incidentes e falhas na Saúde podem ser compensados com seguros "RC"28/04/2017 - GERAL - GoPharma melhora experiência de quem busca medicamentos a qualquer hora e lugar28/04/2017 - GERAL - Confluência no espaço de trabalho: o poder da cafeteria28/04/2017 - FUTEBOL - Roger avisa que rivalidade com Cruzeiro será 'alimento' para o Atlético-MG28/04/2017 - POLÍTICA - Doze cartórios de oito estados são alvo da Operação Perfídia28/04/2017 - ECONOMIA - Schlumberger anuncia resultados do primeiro trimestre de 201728/04/2017 - PARANAÍBA – Trabalhadores aderem à paralisação geral contra reforma da Previdência