Notícias

0 2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 

ECONOMIA - Consórcio formado por Bunge e M. Dias Branco leva terminal de trigo no Rio

20 de abril de 2017

Por Lu Aiko Otta

Com um lance de R$ 1,180 milhão, o consórcio Maravilha, formado pela Bunge e pela M. Dias Branco, arrematou nesta quinta-feira, 20, o contrato de arrendamento, por 25 anos, do terminal de trigo no porto do Rio de Janeiro, leiloado pelo governo federal na sede da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq). O preço mínimo fixado no edital era R$ 1,00

Os investimentos estimados no empreendimento, entre obras e equipamentos, são de R$ 93,1 milhões. A trading foi a única participante do leilão.

De acordo com informações da Antaq, a área leiloada é de 13.453 metros quadrados. A movimentação mínima exigida no terceiro ano de contrato é 682 mil toneladas. Esse volume deverá alcançar 918 mil toneladas no vigésimo ano.

O valor total do contrato é de R$ 515,8 milhões. A concessionária pagará R$ 35.699,64 por mês a título de arrendamento fixo e R$ 1,32 por tonelada de carga movimentada.

Segundo fontes, a Bunge era a principal interessada em obter a área, depois que seu moinho, o Fluminense, foi desalojado das proximidades do porto para a construção do Porto Maravilha. A empresa aguardava o leilão havia pelo menos dois anos.

Em sua antiga instalação, bem próxima ao mar, o Fluminense triturava o trigo que chegava ao porto e era transportado por meio de uma esteira rolante que passava sob o solo. Mas, por causa do projeto de revitalização da área portuária, a Bunge precisou sair do local e construiu um novo moinho em Duque de Caxias (RJ), inaugurado no ano passado.

Após a mudança, ficou faltando um local para armazenar o trigo e organizar seu transporte para a fábrica. Hoje, é preciso desembarcar o trigo direto nos caminhões. Isso pode causar transtorno, dependendo do horário de chegada dos navios.

Segundo fontes, o objetivo da Bunge, ao participar do leilão, era obter a área no porto para a instalação do armazém. Com isso, o transporte do trigo até o moinho poderá ser feito à noite, em horários com menos trânsito. Ele atenderá não só a seu negócio, mas também a outros moinhos instalados na região.

 

0002 Construmais banner

 

Fonte: Agência Estado


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
20/04/2018 - EDITAL - LICENCIAMENTO AMBIENTAL PARA BARRAGEM NA FAZENDA HP19/04/2018 - ESTADO - Entra em vigor lei que aumenta pena para motorista embriagado18/04/2018 - PARANAÍBA - Mutirão prossegue nos bairros de Paranaíba18/04/2018 - PARANAÍBA - Prefeitura reforma ponte na região do Barro Branco18/04/2018 - ESTADO - Estado aluga raio-x para perícia de corpos em decomposição levados ao Imol17/04/2018 - ESTADO - PF desmonta quadrilha que faturava R$ 2 milhões em contrabando de cigarros17/04/2018 - EDITAL DE PROCLAMAS N° 238517/04/2018 - EDITAL DE PROCLAMAS N° 239316/04/2018 - EDITAL DE CONVOCAÇÃO CASA DA CRIANÇA16/04/2018 - EDITAL DE PROCLAMAS N° 240016/04/2018 - EDITAL DE PROCLAMAS N° 239916/04/2018 - GERAL - CAIXA REDUZ JUROS DO CRÉDITO IMOBILIÁRIO16/04/2018 - GERAL- RISCOS E DESAFIOS DO SISTEMA SINDICAL16/04/2018 - GERAL - Número de divórcios volta a crescer após três anos consecutivos em queda16/04/2018 - CASSILÂNDIA - Polícia Militar de Cassilândia recupera motocicleta furtada14/04/2018 - PARANAÍBA - Polícia Militar de Paranaíba recaptura foragido durante atendimento de ocorrência14/04/2018 - EDITAL DE CONVOCAÇÃO OBRA SOCIAL NOSSA SENHORA SANTA'ANA13/04/2018 - PARANAÍBA - Presidente da Câmara assume prefeitura de Paranaíba por quinze dias13/04/2018 - PARANAÍBA - Polícia Militar de Paranaíba realiza operação Trânsito Mais Seguro em parceria com o Demutran12/04/2018 - PARANAÍBA - Polícia Militar de Paranaíba prende homem logo após o cometimento de furto