Notícias

0 2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 

ESTADO - SEGURANÇAGovernador veta projeto que obriga preso a pagar pela própria tornozeleira

10 de novembro de 2017

1013  13

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), vetou integralmente o projeto de lei que obriga presos a arcarem com os custos da instalação e manutenção da própria tornozeleira eletrônica. Ele explicou que esse tipo de discussão deve ocorrer em âmbito federal. O veto foi publicado no Diário Oficial do Estado de hoje.

Em sua justificativa, Azambuja explicou que há vício de inconstitucionalidade no projeto porque cabe à União legislar sobre direito penal e processual.

O governador lembrou ainda que projeto semelhante foi apresentado pelo senador federal Paulo Bauer (PSDB-SC) em outubro e está sob análise da Câmara dos Deputados.

 “A discussão sobre o ressarcimento de monitoração eletrônica pelo condenado, em âmbito federal, já está avançada”, declarou.

O PROJETO

Projeto de lei, do deputado estadual Coronel David (PSC), que determina a obrigatoriedade do preso pagar pela instalação da própria tornozeleira eletrônica e manutenção do aparelho foi aprovado, no dia 18 de outubro, em segunda discussão na Assembleia Legislativa.

Dentre as determinações, caberia ao Governo do Estado providenciar a instalação do equipamento de monitoramento após o recolhimento do valor fixado, no prazo de 24 horas.

Ao final do cumprimento da medida restritiva de direito, o preso deveria devolver o dispositivo em perfeitas condições de uso, e sem qualquer ônus ao Executivo.

Já os presos beneficiários da Lei Federal 1.060/50, que “estabelece normas para a concessão de assistência judiciária aos necessitados”, deveriam receber o equipamento gratuitamente.

De acordo com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o valor do dispositivo varia entre R$ 240,00 e R$ 600,00 por mês.

0009 posto america 710

Fonte: Correio do Estado


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
11/12/2018 - EDITAL DE PROCLAMAS Nº 251111/12/2018 - ATENTADO - Atirador mata 4 na Catedral de Campinas e se mata11/12/2018 - ABUSO SEXUAL - Promotoria de Justiça e Polícia Civil de Bonito estão atentos a eventuais denúncias contra "João de Deus"11/12/2018 - EDITAL DE PROCLAMAS Nº 250911/12/2018 - EDITAL DE PROCLAMAS Nº 250811/12/2018 - EDITAL DE PROCLAMAS Nº 250710/12/2018 - EDITAL DE PROCLAMAS Nº 233808/12/2018 - PARANAÍBA - Secretário de Obras faz balanço das ações em 2018 07/12/2018 - PARANAÍBA - Prefeitura anuncia programação natalina na Praça da República07/12/2018 - POLÍTICA - Lider rural de Aparecida do Taboado vai integrar Ministério da Agricultura07/12/2018 - EDITAL - AUTO POSTO TREVÃO07/12/2018 - PARANAÍBA - Miziara reconduzido à presidência do Cidecol06/12/2018 - PARANAÍBA - Pedrinho destaca realizações no Esporte e Lazer em 201806/12/2018 - PARANAÍBA - Lixeiras adquiridas com recursos do ICMS Ecológico06/12/2018 - CRIME ORGANIZADO - Petrobras demite funcionários com prisão decretada na Lava Jato06/12/2018 - JUSTIÇA - Energisa tem 72 horas para realizar ligação de energia elétrica na região de Ivinhema06/12/2018 - CRIME ORGANIZADO - Justiça aceita denúncia contra 26 integrantes de organização criminosa especializada em contrabando de cigarro06/12/2018 - ESTADO - MS tem a 4ª menor desigualdade social do Brasil06/12/2018 - ESTADO - Aumento de frequência e novos voos conectam MS a principais destinos do país06/12/2018 - PLENARIO - Senado aprova livre acesso de advogados a atos de processos não sigilosos