Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 

JUSTIÇA - Energisa tem 72 horas para realizar ligação de energia elétrica na região de Ivinhema

06 de dezembro de 2018

O Juiz de Direito em Substituição Legal, Dr. Rodrigo Barbosa Sanches, deferiu Tutela de Urgência apresentada pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul, por meio do Promotor de Justiça Daniel do Nascimento Britto, e determinou que a Energisa autorize o fornecimento de energia elétrica aos consumidores do Distrito de Amandina, em Ivinhema (MS), mediante apresentação de declaração simples de residência, sem prejuízo do cumprimento das demais exigências administrativas. O prazo para cumprimento da ordem judicial é de 72 horas.

Consta na Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público Estadual que os moradores do distrito de Amandina estão sendo privados de obter acesso à rede de energia elétrica em razão da concessionária Energisa exigir dos interessados a apresentação de escritura pública ou matrícula dos imóveis para comprovação da posse, porém, a maioria dos imóveis existentes no referido distrito não possui tais documentos.

De acordo com o apurado, vários usuários solicitaram o fornecimento do serviço de energia às suas residências, contudo, os pedidos foram negados pela Energisa, ao fundamento de que não houve comprovação efetiva da propriedade ou posse do imóvel.

Para o MPMS, a exigência de apresentação de matrícula ou escritura pública do imóvel é abusiva, e, portanto, não pode servir de obstáculo para a disponibilização do serviço considerado essencial.

Em razão disso, a Promotoria de Justiça do Consumidor de Ivinhema requereu, em sede liminar, que a Energisa forneça o serviço de energia elétrica no Distrito de Amandina, nas unidades consumidoras, independente da apresentação de documento formal (escritura ou matrícula), bastando o preenchimento de simples declaração de propriedade ou posse.

O Juiz de Direito Rodrigo Barbosa Sanches deferiu o pedido em caráter liminar e conferiu à empresa o prazo de 72 horas para realizar as ligações aos interessados.

O Ministério Público Estadual informa que eventual descumprimento da decisão proferida deverá ser comunicado pelos interessados na Promotoria de Justiça de Ivinhema em horário comercial, para tomada de providências.

Fonte: Texto: Ana Paula Leite/jornalista Assecom MPMS


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
01/06/2020 - POLÍTICA - Bolsonaro pede que apoiadores não saiam às ruas no próximo domingo01/06/2020 - SAÚDE - Brasil ainda não chegou ao pico da pandemia, revela OMS01/06/2020 - POLÍTICA - Deputado da base de Bolsonaro xinga e ameaça atirar em manifestantes01/06/2020 - ESTADO - MS tem 880 casos suspeitos de coronavírus ‘enrolados’ nas secretarias municipais de saúde01/06/2020 - ECONOMIA - Com pandemia, lojistas apostam em promoções para tentar ‘salvar’ Dia dos Namorados01/06/2020 - ESTADO - Dengue já matou 37 em MS durante 2020, e Saúde investiga mais 6 óbitos01/06/2020 - ESTADO - Em MS, fila do INSS tem 24,4 mil esperando e prazo para benefício chega a 65 dias01/06/2020 - ESTADO - Psicologa de MS usa recurso do Facebook e atende de graça durante pandemia de covid-1901/06/2020 - ESTADO - Começa junho com 79 novos casos de coronavírus e total de 1.568 infectados01/06/2020 - COTIDIANO - Está com sobrepeso? Aprenda 5 passos para a sua rotina e reduzir riscos do coronavírus 01/06/2020 - POLICIAL - Mãe é denunciada por maus-tratos após levar bebê de 1 ano a festa com som alto01/06/2020 - POLICIAL - Esposa ‘arrebenta’ cadeira na cabeça do marido durante briga em festa01/06/2020 - POLICIAL - Fazendeiro é multado em R$ 10 mil por erosões causando assoreamento de córregos01/06/2020 - POLICIAL - Homem tenta matar ex com garrafa quebrada e foge antes da polícia chegar01/06/2020 - POLICIAL - Dois são detidos após denúncia de som alto e tentativa de agredir policiais01/06/2020 - NACIONAL - Bolsonaro vai a manifestação e cumprimenta apoiadores que fazem críticas a STF01/06/2020 - POLICIAL - Mulher é esfaqueada e tem celular destruído durante discussão31/05/2020 - ESTADO - Costa Rica tem primeiro caso confirmado do novo coronavírus31/05/2020 - ESTADO - Projeções se confirmam e MS entra em ciclo de aumento nos casos de coronavírus31/05/2020 - POLICIAL - Agricultor é preso em flagrante com espingarda de caça