Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 

JUSTIÇA - Ação Civil Pública pede ressarcimento de pagamentos irregulares de diárias da Câmara Municipal de Bonito

11 de janeiro de 2019

1101201903

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul por meio do Promotor de Justiça João Meneghini Girelli ingressou com Ação Civil Pública c/c Pedido Liminar em face da Câmara Municipal de Bonito (MS) devido a pagamentos irregulares de diárias e enriquecimento ilícito por parte de vereadores e servidores da Câmara Municipal de Bonito (MS).

De acordo com os autos, a Promotoria de Justiça recebeu denúncia anônima que afirmava haver uma "farra de diárias" na Câmara Municipal de Bonito, em decorrência dos deslocamentos dos parlamentares para participarem de congressos na Capital.

Após o registro, da ainda Notícia de Fato para angariar elementos mínimos para instauração da investigação, veio a conhecimento do MPMS a notícia jornalística acerca dos fatos sob apuração preliminar. Ocorre que, nada obstante as intenções ocultas do denunciante, ainda em sede de NF, o Promotor de Justiça proferiu despacho ponderando que entendia não haver qualquer "farra de diárias", uma vez que a finalidade era para o comparecimento a congressos, e por não haver informação de fraude, era questão interna da Presidência da Casa.

Entretanto, em análise à lei municipal que rege a concessão de diárias, a Lei 1.311/2013, o Promotor de Justiça notou que havia uma ilegalidade em seus próprios termos, pois trazia uma grave falha que resultava em pagamentos irregulares e enriquecimento ilícito por parte dos vereadores e servidores. É que a lei municipal não distingue em nenhum de seus artigos o simples deslocamento da diária em si, isto é, não prevê a diminuição do valor da diária em caso de ausência de pernoite/hospedagem e os pagamentos realizados pela Câmara Municipal sem considerar o desconto pertinente violam a própria disposição da lei, pois ela estabelece que os valores servem para custear, dentre outros gastos, a hospedagem.

O Promotor de Justiça entende que, ao não prever a diária em valores fracionados nas situações em que há o deslocamento, porém não há a hospedagem/pernoite, referida lei fere princípios da administração pública, tais como a moralidade e a eficiência.

Diante dos fatos, o MPMS pede que seja concedida, em caráter liminar, a antecipação da tutela, sob consequência inclusive de aplicação de astreintes, a fim de determinar que a Câmara Municipal de Bonito não pague o valor superior a 50% da diária nas situações em que existe o simples deslocamento (diária sem hospedagem) do servidor ou do vereador; e que seja no mérito confirmada a limitar, bem como determinado o ressarcimento dos valores pagos a mais nos últimos cinco anos na Câmara Municipal de Bonito.

Fonte: MP - MS


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
25/06/2019 - ESPORTE - Brasil pega o Paraguai nas quartas de final da Copa América25/06/2019 - ESTADO - Atuação das polícias e investimentos públicos reduzem criminalidade em 16,78% no Estado25/06/2019 - PARANAÍBA - Concurso público deve ser lançado nos próximos dias25/06/2019 - GERAL - Os políticos são nossos empregados”, diz o cantor Jorge Vercillo25/06/2019 - INTERNACIONAL - Papa Francisco vai visitar o Japão em novembro25/06/2019 - ECONOMIA - Guedes diz que preço do gás pode cair 40% e PIB industrial crescer 8,46%25/06/2019 - GERAL - Cartórios devem informar óbitos em até 24 horas, diz Bolsonaro24/06/2019 - POLÍTICA - Sergio Moro adia ida à Câmara para falar sobre troca de mensagens24/06/2019 - POLÍTICA - Governo deve apresentar mudanças na reforma da Previdência24/06/2019 - JUSTIÇA - Segunda Turma do STF adia julgamento de habeas corpus de Lula24/06/2019 - ECONOMIA - Brasileiros esperam inflação de 5,4% nos próximos 12 meses, diz FGV24/06/2019 - PARANAÍBA - ‘Eu dependo e garanto que é mais conforto’, diz paciente que andou em veículo novo da saúde24/06/2019 - PARANAÍBA - Tradicional cavalgada deve reunir mais de dez mil pessoas24/06/2019 - ESTADO - Governo sanciona reajuste de 2,1% no salário dos servidores do TCE24/06/2019 - GERAL - Educação abre cadastro de vagas para cursos técnicos de nível médio24/06/2019 - INTERNACIONAL - EUA buscam coalizão global contra Irã24/06/2019 - GERAL - Jogos de hoje definem adversário do Brasil nas quartas de final24/06/2019 - SAÚDE - Mais Médicos é reforçado em mais de mil municípios21/06/2019 - GERAL - Novo presidente dos Correios fala em fortalecimento da instituição21/06/2019 - INTERNACIONAL - Brasília comemora o Dia Internacional da Ioga