Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 

SAÚDE- Projeto de combate a suicídio deve ter resultado este ano, diz Damares

14 de maio de 2019

1403_1

Expectativa é que campanha chegue a metade dos municípios em 2020

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, disse hoje (13) que o projeto de combate ao suicídio e a automutilação deverá alcançar, até o fim de 2020, metade dos municípios brasileiros. De acordo com a ministra, a expectativa é de que os números já apresentem diminuição até o final do ano.

“Nós vamos começar no Brasil inteiro treinando os conselheiros tutelares, que estão mais ligados ao nosso ministério. E, a partir do próximo ano, a gente quer alcançar metade dos municípios também na área da saúde, da educação”, disse Damares em Suzano, onde articula projeto-piloto de prevenção à automutilação e ao suicídio.

Ações intensificadas
Desde abril, quando lançou a campanha Acolha a Vida, o governo federal tem intensificado as ações relacionadas ao tema na expectativa de alertar famílias, profissionais da educação, da saúde e conselheiros tutelares sobre os sinais que podem indicar tendências à violência autoprovocada.

“Nós vamos trabalhar primeiro treinando os professores, os educadores, os conselheiros tutelares, e profissionais que lidam diretamente com vidas, com pessoas”, disse a ministra.

Automutilação
A ministra disse que cerca de 20% dos jovens brasileiros estão se mutilando, o que representa 14 milhões de pessoas. A maior incidência ocorre em adolescentes de 12 a 18 anos. “Os motivos são os mais variados, eles alegam dor na alma, eles alegam o bullying, nós temos a questão do abuso sexual, nós temos a questão do envolvimento com as drogas. As crianças hoje, os nossos adolescentes, não estão sabendo lidar com os seus conflitos”, disse Damares.

Damares aconselhou que, se você identificar um jovem ou adolescente se “autoferindo, não faça disso uma grande tragédia”. “Abrace, não ignore, abrace, não repreenda, abrace. Esses jovens e adolescentes estão em profundo sofrimento. Busque tratamento imediato, isso não pode ser ignorado, nós vamos ter de buscar tratamento médico, psicólogo, psiquiatra, para o atendimento dessa criança”, disse.

De acordo com o ministério, a pasta planeja implementar um observatório estatístico que permita entender o fenômeno da autoviolência e saber onde ocorre com maior intensidade.

Armas
Questionada sobre o decreto do governo federal que flexibilizou o acesso de jovens a escolas de tiro, a ministra disse que os pais devem ser muito responsáveis para saber se os filhos estão preparados ou não para frequentarem as aulas. Segundo ela, o caso de Suzano , em dois jovens disparam em uma escola e mataram dez pessoas e que os atiradores treinaram disparos com armas de airsoft, ocorreu em uma situação muito isolada.

“Essa é uma situação muito isolada de Suzano. Países em que os pais levam os filhos para fazer tiro, a pesquisa não indica que crianças que fazem tiro, os pais estão levando para essas crianças saírem matando”, disse.

 

0014 Drogaria Super Popular 710 300

Fonte: Agência Brasil


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
19/07/2019 - CHAMADA - ALTERAÇÃO DE TITULARIDADE AQUA GRANDE19/07/2019 - CHAMADA PÚBLICA DA ESCOLA ESTADUAL WLADISLAU GARCIA GOMES19/07/2019 - ESPORTE - Barcelona vai oferecer R$ 420 milhões mais dois jogadores por Neymar19/07/2019 - GERAL - Operação da Receita Federal identifica grupo que sonegava impostos19/07/2019 - POLÍTICA - Governo lista 47 ações realizadas em 200 dias de gestão 19/07/2019 - GERAL - Distribuidoras poderão vender gás de cozinha diretamente ao consumidor19/07/2019 - INTERNACIONAL - Pedidos de refúgio aumentam 6% na Alemanha19/07/2019 - EDUCAÇÃO - Canditados na lista de espera do ProUni devem comprovar informações19/07/2019 - ESTADO - Justiça concederá danos morais a paciente que aguardar mais de 60 dias por radioterapia19/07/2019 - ECONOMIA - Petrobras baixa gasolina em R$ 0,03 e diesel em R$ 0,0418/07/2019 - POLÍTICA - Anúncio sobre saques do FGTS fica para a próxima semana, diz Onyx18/07/2019 - GERAL - MP devolve à Polícia Civil inquérito sobre tragédia no Ninho do Urubu18/07/2019 - SAÚDE - Excesso de café aumenta chance de pressão alta em pessoas predispostas18/07/2019 - INTERNACIONAL - Incêndio criminoso deixa pelo menos 16 mortos no Japão18/07/2019 - ECONOMIA - Propostas de reforma tributária são convergentes, diz Guedes18/07/2019 - ESTADO - Governador sanciona lei que proíbe canudos de plástico no comércio em MS18/07/2019 - ESTADO - Governo veta projeto que proíbe condenados na lei Maria da Penha de participarem de programas habitacionais17/07/2019 - INTERNACIONAL - Governo do Uruguai assumirá setor de gás após saída da Petrobras17/07/2019 - PARANAÍBA - Miziara assina convênio de R$36 mil com a Apae17/07/2019 - PARANAÍBA - Em uma semana, 62 pessoas vão receber implantes dentários gratuitos