Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 

ECONOMIA - Processo de recuperação gradual da economia foi interrompido, diz BC

14 de maio de 2019

1404_1

A expectativa é de retomada adiante

O processo de recuperação gradual da atividade econômica sofreu interrupção no período recente, mas a expectativa é de retomada adiante. Essa é a conclusão do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC), que decidiu na última quarta-feira (8) manter a taxa básica de juros, a Selic, em 6,5% ao ano.

Segundo ata da reunião do Copom, o arrefecimento da atividade observado no final de 2018 teve continuidade no início de 2019. “Em particular, os indicadores disponíveis sugerem probabilidade relevante de que o Produto Interno Bruto (PIB) tenha recuado ligeiramente no primeiro trimestre do ano, na comparação com o trimestre anterior, após considerados os padrões sazonais”, diz o documento.

O Copom acrescenta que os indicadores do primeiro trimestre induziram revisões substantivas nas projeções de instituições financeiras para o crescimento do PIB em 2019. “Essas revisões refletem um primeiro trimestre aquém do esperado, com implicações para o “carregamento estatístico” [herança do que ocorreu no ano anterior], mas também embutem alguma redução do ritmo de crescimento previsto para os próximos trimestres”, destacou.

Nesse cenário, o Copom avaliou que seria necessário manter a Selic em 6,5% ao ano.

“O comitê julga importante observar o comportamento da economia brasileira ao longo do tempo, livre dos efeitos remanescentes dos diversos choques a que foi submetida no ano passado e, em especial, com redução do grau de incerteza a que a economia brasileira continua exposta”, diz a ata. O Copom acrescentou que essa avaliação sobre o desempenho da economia demanda tempo e não deverá ser concluída a curto prazo. “O comitê ressalta que os próximos passos da política monetária [definição da taxa Selic] continuarão dependendo da evolução da atividade econômica, do balanço de riscos e das projeções e expectativas de inflação”, afirmou.

Inflação
Na ata, o Copom destaca ainda que a inflação acumulada em 12 meses deve atingir um pico no curto prazo para, em seguida, recuar e encerrar 2019 em torno da meta. Para 2019, a meta de inflação é de 4,25%, com margem de tolerância de 1,5 ponto percentual. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, portanto, não poderá superar 5,75% neste ano nem ficar abaixo de 2,75%. A meta para 2020 foi fixada em 4%, também com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual.

O comitê ressalta, entretanto, que “a consolidação desse cenário favorável, com inflação nas metas no médio e longo prazos, depende do andamento das reformas e ajustes necessários na economia brasileira, que são fundamentais para a manutenção do ambiente com expectativas de inflação ancoradas”.

O Copom fez projeções para a inflação de acordo com dois cenários. Na hipótese de a Selic terminar 2019 em 6,5% ao ano e ser elevada a 7,5% ao ano em 2020, com taxa de câmbio que termina 2019 em R$ 3,75 e 2020 em R$ 3,80, a inflação fica em torno de 4,1% para neste ano e 3,8% para 2020. Nesse cenário, as projeções para a inflação de preços administrados (controlados pelo governo, como gás, energia e gasolina) são de 5,3% para 2019 e 5% para 2020.

No cenário com taxas contantes - Selic em 6,50% ao ano e de câmbio em R$ 3,95 -, as projeções para a inflação do Copom ficam em torno de 4,3% para 2019 e 4% para 2020. A estimativa para a inflação de preços administrados são de 5,6% para 2019 e 5,1% para 2020.

Taxa Selic
A taxa básica de juros é usada nas negociações de títulos públicos no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic) e serve de referência para as demais taxas de juros da economia. Ao reajustá-la para cima, o Banco Central segura o excesso de demanda que pressiona os preços, porque juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Ao reduzir os juros básicos, o Copom barateia o crédito e incentiva a produção e o consumo, mas enfraquece o controle da inflação. Para cortar a Selic, a autoridade monetária precisa estar segura de que os preços estão sob controle e não correm risco de subir. Quando mantém o juros básicos, o comitê considera que alterações anteriores na taxa foram suficientes para alcançar a meta de inflação.

 

0004 Instituto Farmacêutico710

Fonte: Agência Brasil


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
03/06/2020 - POLICIAL - Mulher dá entrada em hospital com facada no pescoço e jovem é preso em flagrante03/06/2020 - POLICIAL - Professor é acusado de pedofilia em grupo de WhatsApp após colega ter número clonado03/06/2020 - POLICIAL - Mulher é agredida a socos e puxões de cabelo na frente de filho de 4 anos após de cobrar pensão03/06/2020 - POLICIAL - Mãe corre do filho armado com faca após discussão 03/06/2020 - POLICIAL - Trapalhão derruba parceiro da garupa e depois cai ao tentar fugir da PM03/06/2020 - ESTADO - Coronavírus se espalha: MS tem recorde com 156 novos casos em 24 horas e 1.802 positivos03/06/2020 - NACIONAL - Em dia de conscientização, médicos alertam sobre obesidade infantil03/06/2020 - POLICIAL - Trauma: Crianças que estavam em casa onde mãe foi morta não conseguem dormir03/06/2020 - POLICIAL - Mãe é suspeita de forçar menina de 6 anos a participar de sessões de estupro com padrasto03/06/2020 - POLICIAL - MPMS ingressa com ação contra volta às aulas de rede particular em cidade de MS03/06/2020 - POLICIAL - 4 anos atrás, procurador aposentado do MPMS condenado por homicídio era preso por estupro03/06/2020 - POLÍTICA - Caixa libera hoje saque da 2ª parcela dos R$ 600 para nascidos em abril03/06/2020 - ESTADO - MS tem 1.646 casos confirmados de coronavírus e Dourados assume como foco da pandemia02/06/2020 - ESTADO - Sancionada lei que proíbe limitação de tratamentos pelos planos de saúde02/06/2020 - ESTADO - Ampasul doa mil litros de leite para entidades do MS02/06/2020 - ESTADO - Suinocultores de MS doam para campanha contra o Covid-1902/06/2020 - PARANAÍBA - Usuário de drogas é preso após agredir homem com mordidas em avenida02/06/2020 - PARANAÍBA - Homem ameaça policiais com facão e acaba baleado na mão02/06/2020 - PARANAÍBA – Câmara aprova abertura de crédito de quase R$ 2 mi para prefeitura02/06/2020 - POLICIAL - Preso por estupro é flagrado ao mandar vídeos pornográficos a crianças