Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 

ESTADO - Fiscais de MS vão ao Paraná conhecer trabalho de retirada da vacinação contra febre aftosa

14 de junho de 2019

1404_2

Guaíra (PR) – Uma comitiva sul mato-grossense foi conhecer de perto como funcionam os escritórios, e como é realizado o trabalho pelos colegas fiscais agropecuários nos postos fixos e barreiras volantes, no Estado vizinho, o Paraná.

O Estado, que tem 9,3 milhões de animais entre bovinos e bubalinos, figura como referência dentro do Programa Nacional de Prevenção e Erradicação da Febre Aftosa (PNEFA), por conta das ações que possibilitaram solicitar a antecipação da retirada da vacinação, podendo fazer a última imunização do rebanho na campanha de novembro deste ano, antes do restante do grupo à qual pertence dentro do Programa.

Os membros do bloco V, o qual pertence Paraná e Mato Grosso do Sul, tem previsão de encerrar a obrigatoriedade da vacinação somente em 2021. Nele estão Mato Grosso, Rio Grande do Sul e o Estado de Santa Catarina, este último, que também já não realiza a vacinação obrigatória em todo rebanho.

Na oportunidade os profissionais da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), trocaram experiências, e puderam conhecer os Sistemas SISTRAN, e BI, as metodologias do controle de trânsito animal e de trânsito vegetal utilizadas por eles, os sistemas de supervisão interna, de análises de redes, o trabalho de comunicação de ingresso de GTA em estabelecimentos de abate, os sistema de emissão de GTA e PTV, os procedimentos de fiscalização nos Postos Fixos, procedimentos de fiscalização nas Barreiras Volantes e a barreira em volante conjunta Adapar/Iagro.

“Eles nos apresentaram todo o processo desde a emissão de documentos até o destino final da carga, conferimos o funcionamento dos postos fixos de fiscalização agropecuária e da barreira volante. Fomos muito bem recebidos e tivemos uma visita extremamente proveitosa” destacou o fiscal agropecuário da Iagro, Joelson Oliveira.

Fazem parte da comitiva, que esteve no Paraná nesta terça e quarta feira (dias 11 e 12 de junho) além de Joelson, Marcia Arakaki, Kamilla Lucas Silveira, Fernando Endrigo Garcia, Rodrigo Cantero Dorsa, Gerson Bueno Filho, Filipe Portocarrero, Marcos Aurélio Guimarães, Caroline Sakamoto e Hugo Nantes.

 

Kelly Ventorim, Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (SEMAGRO)

 

0008 el guapo 710

Fonte: Portal do MS


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
23/07/2019 - EDITAL DE PROCLAMAS N° 258023/07/2019 - PARANAÍBA - Paranaíba recebe R$500 mil para investimentos na saúde23/07/2019 - ECONOMIA - Abono do PIS/Pasep começa a ser pago nesta quinta23/07/2019 - ECONOMIA - Governo trabalha para evitar paralisação de serviços, diz secretário23/07/2019 - GERAL - Celular do ministro Paulo Guedes é hackeado22/07/2019 - POLÍTICA - Bolsonaro diz que apoia suspensão da tabela do frete22/07/2019 - GERAL - Ministro pede que ANTT suspenda novas regras para frete mínimo22/07/2019 - ECONOMIA - Com crise econômica, previdência privada vive momento de estagnação22/07/2019 - ESTADO - Reinaldo veta lei que criava site para registrar maus-tratos a animais22/07/2019 - INTERNACIONAL - Ataque violento contra manifestantes gera revolta em Hong Kong22/07/2019 - SAÚDE - Número de pacientes com hepatite cresce 20% em 10 anos no Brasil19/07/2019 - CHAMADA - ALTERAÇÃO DE TITULARIDADE AQUA GRANDE19/07/2019 - CHAMADA PÚBLICA DA ESCOLA ESTADUAL WLADISLAU GARCIA GOMES19/07/2019 - ESPORTE - Barcelona vai oferecer R$ 420 milhões mais dois jogadores por Neymar19/07/2019 - GERAL - Operação da Receita Federal identifica grupo que sonegava impostos19/07/2019 - POLÍTICA - Governo lista 47 ações realizadas em 200 dias de gestão 19/07/2019 - GERAL - Distribuidoras poderão vender gás de cozinha diretamente ao consumidor19/07/2019 - INTERNACIONAL - Pedidos de refúgio aumentam 6% na Alemanha19/07/2019 - EDUCAÇÃO - Canditados na lista de espera do ProUni devem comprovar informações19/07/2019 - ESTADO - Justiça concederá danos morais a paciente que aguardar mais de 60 dias por radioterapia