Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 

ESTADO - Atuação das polícias e investimentos públicos reduzem criminalidade em 16,78% no Estado

25 de junho de 2019

2506_1

Atuação das polícias e investimentos públicos reduzem criminalidade em 16,78% no Estado

Campo Grande (MS) – A atuação das forças de segurança pública e os investimentos em armas, veículos, equipamentos e treinamentos resultaram em uma redução de 16,78% no número de crimes registrados em Mato Grosso do Sul no período de janeiro a maio de 2019, em comparação a igual período do ano passado.

A maior diminuição, de 50%, ocorreu em roubos seguidos de mortes, passando de 10 casos para apenas 5 neste ano. Roubos em estabelecimentos comerciais e de veículos também tiveram quedas expressivas de, respectivamente, 38% e 28%. Todos os crimes sofreram redução na relação que leva em conta o número de habitantes.

Outras quedas registradas acima de 20% foram de roubo em via pública (-26,8%), roubo (-26,5%), roubo em residência (-20,7%) e homicídio doloso (-20,2%). Furtos em residências e de veículo tiveram retração, respectivamente, de 17,6% e 16,6%. Os dados são do Núcleo de Estatística e Análise Criminal da Superintendência de Inteligência em Segurança Pública (Sisp).

O secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Antonio Carlos Videira, explicou que o resultado é fruto de um trabalho intenso de combate ao chamado tráfico “doméstico”, aquele cometido dentro do Estado, do uso da inteligência para ampliar as ações onde os índices de crimes eram mais elevados e da diminuição de presos nas delegacias, liberando policiais civis para a repreensão e investigação.

“Na faixa de fronteira, dos 12 crimes, 11 tiveram redução de dois dígitos. Na Capital também. Essa queda pode ser verificada tanto nos crimes contra a vida como nos contra o patrimônio. Isso se deve ao enfrentamento do tráfico doméstico, às ações de investigação, à redução de mais de 50% do número de presos nas delegacias, às inúmeras operações e aos investimentos do MS Mais Seguro”, afirmou.

Em 10 municípios de Mato Grosso do Sul, todos os 12 tipos de crimes sofreram queda. Foi o que aconteceu na capital, Campo Grande, e na cidade turística de Bonito. Os outros municípios com todos os crimes em queda são: Aral Moreira, Brasilândia, Deodápolis, Figueirão, Jateí, Laguna Caarapã, Maracaju e Sete Quedas.

Na Capital, os destaques ficaram por conta de roubos seguidos de morte, com diminuição de 83,5%, e de roubos em estabelecimentos comerciais, de 53,9%. O índice de homicídios culposos no trânsito recuou 31,3%; de roubos em residências caiu 28,1%; de homicídios dolosos, 28%; e roubos em via pública, 27,7%. Além disso, todos os tipos de furto tiveram queda acima de 10% em Campo Grande.

Apesar da crise financeira, Mato Grosso do Sul tem feito nos últimos quatro anos e meio, por meio do programa MS Mais Seguro, o maior investimento público em segurança da história do Estado. Foram mais de R$ 134 milhões em armas, equipamentos, videomonitoramento e viaturas para as policiais Militar, Civil e Corpo de Bombeiros Militar.

Paulo Fernandes – Subsecretaria de Comunicação

 

0014 Drogaria Super Popular 710 300

 

 

Fonte: Portal do MS


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
16/07/2019 - EDITAL DE PROCLAMAS N° 257916/07/2019 - POLÍTICA - Bolsonaro participa de reunião do Conselho de Governo16/07/2019 - ESTADO - Terça deve ter queda de temperatura e chuvas isoladas na maior parte de MS16/07/2019 - ESTADO - Trabalhador foge de carvoaria em MS onde foi mantido como escravo16/07/2019 - POLÍTICA - Governo vai instalar 1 mil radares em rodovias federais, diz ministro16/07/2019 - PARANAÍBA - Prefeitura e UFMS oferecem assessoria para pequenos produtores16/07/2019 - ECONOMIA - União pagou R$ 4,25 bilhões de dívidas de estados no primeiro semestre16/07/2019 - GERAL - Governo libera verba para casas atingidas por rachaduras em Maceió16/07/2019 - JUSTIÇA - Acordo entre Vale e MPT indenizará famílias de vítimas de Brumadinho16/07/2019 - EDITAL DE PROCLAMAS N° 257815/07/2019 - ESTADO - Instituída Frente em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio15/07/2019 - ESTADO - Flagrado pedindo propina a paciente de MS, ginecologista foi denunciado por abuso sexual em 201615/07/2019 - ECONOMIA - Inadimplência do consumidor cresce 0,9% no primeiro semestre de 201915/07/2019 - INTERNACIONAL - Irã se diz disposto a negociar se EUA retirarem sanções15/07/2019 - POLÍTICA- Câmara pode votar destaques à nova Lei de Licitações15/07/2019 - SAÚDE - Composto de planta da Mata Atlântica combate leishmaniose e Chagas15/07/2019 - ECONOMIA - Receita paga hoje restituições do 2º lote do Imposto de Renda15/07/2019 - EDUCAÇÃO - Prazo para participar da lista de espera do ProUni começa hoje15/07/2019 - PARANAÍBA - Com investimento de 2,2 milhões ponte do rio Barreiro está sendo finalizada12/07/2019 - EDUCAÇÃO - Termina hoje prazo para complementar inscrição no Fies