Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 

ESTADO - Após pedido de vistas, projeto sobre proibição de canudos em MS deve ser votado hoje

27 de junho de 2019

2705_2

Projeto está parado há quase um ano e saiu de pauta ontem após deputado pedir para analisar melhor a proposta

Projeto de Lei proibindo canudos de plásticos em bares e restaurantes, voltou para a pauta na sessão desta quinta-feira (27), após pedido de vistas de deputado ontem (26).

A proposta está parada desde agosto do ano passado, quando foi votada em primeira discussão e aprovada pelos parlamentares. Como gerou muita polêmica entre empresários, o projeto teve emenda do deputado Felipe Orro (PSDB), que é o prazo de 12 meses para os comerciantes se adequarem a nova realidade.

De autoria de Pedro Kemp (PT), o projeto propõe a proibição de canudos confeccionados em material plástico em “hotéis, restaurantes, bares, padarias, conveniências, clubes noturnos, salões de dança e eventos musicais de qualquer espécie, entre outros estabelecimentos”, instalados em Mato Grosso do Sul.

A proposta estava pautada para ser votada ontem, mas Lucas de Lima (Solidariedade), presidente da Comissão de Meio Ambiente, pediu vista dizendo que iria fazer emenda modificando o projeto, mas quis adiantar sobre o que é.

Mais ágil, projeto que foi votado na terça-feira (25) em primeira discussão, também deve ser apreciado em plenário hoje, dispõe sobre o ensino sobre educação financeira nas escolas estaduais. O projeto é de Marçal Filho (PSDB) e o assunto deverá ser trabalhado no Ensino Médio de forma complementar, desenvolvendo, entre outras questões, princípios de planejamento, gerenciamento, avaliação e controle da economia pessoal e familiar.


Em primeira discussão, está prevista a votação de projeto de Lei propondo a criação da campanha “Dezembro Verde”, do parlamentar Lucas de Lima. A proposta objetiva conscientizar as pessoas quanto ao abandono de animais.

Ainda em primeira votação, devem ser apreciados o PL 138/2019, do Executivo, e o PL 141/2019, do Judiciário. O primeiro projeto propõe modificações na Lei 1.810/1997, que dispõe sobre tributos de competência do Estado. Já o PL 141/2019 dispõe sobre o desdobramento do serviço de registro de imóveis da Comarca de Três Lagoas.

 

0005 MERCADO AMÉRICA 710

 

Fonte: Mídia Max


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
23/01/2020 - INTERNACIONAL - Após fuga em massa de membros do PCC, novo diretor é nomeado para presídio23/01/2020 - EDITAL DE PROCLAMAS N° 264523/01/2020 - ESTADO - Casal organiza festa pelo Whats e acaba preso por fornecer bebidas a menina de 13 anos23/01/2020 - ESTADO - Sisu: Medicina na UFMS de Três Lagoas tem a maior nota de corte nas universidades do Estado23/01/2020 - PARANAÍBA - ‘Guerra’ contra o Aedes segue por avenidas do município23/01/2020 - PARANAÍBA - Empresa investirá mais de R$8 milhões em Paranaíba23/01/2020 - ESTADO - UFMS oferece 210 vagas em cursinho que prepara para vestibular e prova do Enem23/01/2020 - ESTADO - Corpo de menina de 13 anos é encontrado enterrado em lavanderia com mãos e pés amarrados em MS23/01/2020 - ESTADO - Showtec: investimento em pesquisa potencializa agronegócio e safra de soja deve superar 10 milhões de toneladas em MS23/01/2020 - ESTADO - Quinta-feira com possibilidade de chuva forte em algumas regiões do Estado23/01/2020 - ESTADO - IPVA 2020: desconto de 15% vale só até o final do mês de janeiro23/01/2020 - ESTADO - Procon Estadual realizou 31.894 atendimentos no ano passado, aumento de 2,40% comparado com 201823/01/2020 - ESTADO - Detran inicia leilão de veículos apreendidos em Dourados na próxima semana23/01/2020 - ESTADO - Com dez opções de cursos profissionalizantes, ensino médio integrado está com matrículas abertas em 17 cidades MS22/01/2020 - CHAMADA PÚBLICA E.E.MANOEL GARCIA LEAL22/01/2020 - NACIONAL - Senado estuda liberar R$ 600 milhões em linha de crédito para cidades de MS22/01/2020 - ESTADO - Cursos e Assistência Técnica e Gerencial do Senar/MS transformam pescadores em ‘empresários da piscicultura’22/01/2020 - NACIONAL - Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 35 milhões na quinta-feira22/01/2020 - INTERNACIONAL - Estudo da OCDE mostra futuro das profissões no mundo22/01/2020 - ESTADO - Polícia Militar Ambiental e Polícia Civil prendem e autuam mulher em R$ 6 mil por maus-tratos ao deixar três cães em situação de penúria