Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 

POLÍTICA - CNMP decide que não há ilegalidades em mensagens entre Deltan e Moro

28 de junho de 2019

2803_2

O corregedor do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), Orlando Rochadel Moreira, decidiu hoje (27) arquivar pedido de abertura de reclamação disciplinar contra o procurador Deltan Dallagnol e outros integrantes da força-tarefa da Operação Lava Jato. O procedimento chegou ao conselho após a divulgação de supostas conversas entre Dallagnol e o então juiz Sergio Moro, divulgadas pelo site The Intercept.

Ao analisar o caso, o corregedor entendeu que, mesmo diante de dúvidas sobre a veracidade das conversas, não houve nenhuma conduta ilegal de Deltan no caso. Além disso, Orlando Rochadel disse que as mensagens são ilegais e foram obtidas "à revelia de qualquer autorização judicial e com infração do direito à intimidade dos interlocutores".

"Contatos com as partes de processos e procedimentos, advogados e magistrados, afiguram-se essenciais para a melhor prestação de serviços à sociedade. Igualmente, pressupõe-se para os membros do Ministério Público a mesma diligência da honrosa classe dos advogados que vão despachar processos e conversam, diariamente, com magistrados. Em resumo, ainda que as mensagens em tela fossem verdadeiras e houvessem sido captadas de forma lícita, não se verificaria nenhum ilícito funcional", decidiu o corregedor.

O pedido de abertura da reclamação disciplinar foi feito pelos conselheiros Luiz Fernando Bandeira de Mello, Gustavo Rocha, Erick Venâncio Lima do Nascimento e Leonardo Accioly da Silva, integrantes das cadeiras da OAB, do Senado e da Câmara dos Depurados no CNMP, além de uma petição protocolada pelo Psol.

Desde a publicação das supostas mensagens, o ministro Sergio Moro afirma que não reconhece a autenticidade dos diálogos e diz que as mensagens podem ter sido "editadas e manipuladas" por meio de ataques de hackers.

 

0007 Volte sorrir 710

Fonte: Agência Brasil


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
06/07/2020 - PARANAIBA - Prefeitura anuncia contratação de empresas para variados produtos e serviços06/07/2020 - PARANAÍBA - Homem abastece e foge sem pagar por combustível06/07/2020 - PARANAÍBA - Polícia atende caso de agressão entre mãe e filha no Santo Antônio06/07/2020 - POLÍCIA - Na primeira metade do ano, 22 mulheres foram mortas de forma violenta em MS06/07/2020 - POLÍCIA - Após se afogar em piscina, criança de 3 anos morre06/07/2020 - POLÍCIA - Após agredir namorada, homem parte para cima de PM e é contido a tiros de borracha06/07/2020 - CORONAVÍRUS - MS registra mais 179 casos e 4 quatro mortes por coronavírus; maior parte das notificações continua em Campo Grande05/07/2020 - Sertanejo Davi, da dupla com Durval, morre aos 63 anos em hospital de Campinas05/07/2020 - DOURADOS - Funcionário matou secretário após ser demitido por não usar máscara, diz irmã04/07/2020 - CORONAVÍRUS - Urgente Lacen confirma terceira morte por Covid-1904/07/2020 - POLÍCIA - Com transmissão ao vivo, policial mata filhos, sogros e cunhadas na fronteira04/07/2020 - POLÍTICA - Nascidos em novembro e dezembro recebem parcela do auxílio emergencial neste sábado04/07/2020 - POLÍCIA - Preso sobe em telhado para pegar ‘encomenda’ de drogas, cai e se machuca04/07/2020 - POLÍCIA - Mãe é denunciada por maus-tratos e criança é encontrada sem roupas em casa03/07/2020 - Chef Gabriela Isidro ensina a fazer um SPAGHETTI ALLA MATRICIANA03/07/2020 - POLÍTICA - Não podemos continuar por muito tempo com auxílio emergencial, diz Bolsonaro03/07/2020 - POLÍCIA - Mulher é encontrada na rua com roupas rasgadas após ser agredida por 3 homens03/07/2020 - POLÍCIA - Farmácias de MS são flagradas vendendo vacinas do SUS por R$ 100 03/07/2020 - CORONAVÍRUS - Recorde: Com 16 mortes em um dia, MS registra 105 óbitos por coronavírus03/07/2020 - POLÍCIA - Sequestrada na terça-feira, Carla é deixada morta na esquina de casa