Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 

ECONOMIA - China é o principal destino das exportações brasileiras, aponta FGV

13 de novembro de 2019

A China é o principal destino das exportações brasileiras, segundo o Indicador de Comércio Exterior (Icomex), da Fundação Getulio Vargas (FGV), com 27,8% dos produtos exportados pelo Brasil. A diferença para o segundo colocado, os Estados Unidos, ficou em 14,7 pontos percentuais. A participação da China no comércio exterior brasileiro supera até a do bloco da União Europeia, que soma 16,3%. Os dados foram divulgados hoje (13).

A recessão na Argentina influenciou o percentual de 4,4% daquele país. Esse resultado é o segundo menor na série histórica, que começou em 2000. O outro desempenho desfavorável foi em 2002. Com queda no PIB de 10,9%, a participação da Argentina nas exportações brasileiras ficou em 3,8%.

O indicador, que calcula de forma mais detalhada o nível de atividade dos setores produtivos, analisa dados da Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai, Venezuela e da Argentina. Além desses países, que compõem o grupo Demais da América do Sul, o Icomex inclui informações da China, dos Estados Unidos e da União Europeia. De acordo com a FGV, esses países/regiões somam 69,6% das exportações totais brasileiras no acumulado do ano até outubro. No mesmo período as importações representaram 66,9%.

Balança comercial
O Icomex indica que os superávits da balança comercial do Brasil são influenciados pelo comércio exterior com a China. No acumulado até outubro, o saldo da balança somou US$ 34,9 bilhões. Só com a China, foi US$ 21,4 bilhões. O grupo Demais da América do Sul teve saldo de US$ 6,4 bilhões e a União Europeia de US$ 2 bilhões.

Apesar de ser o principal mercado das compras externas brasileiras, a diferença dos percentuais nas importações da China no mês é menor em relação aos Estados Unidos e a União Europeia. No caso da América do Sul, a diferença é de 8,6 pontos percentuais.

Recuo
Segundo a FGV, os volumes exportados caíram em todos os mercados, com exceção dos Estados Unidos, que registrou aumento de 13,3%. A queda de 10% nos preços das exportações no período favoreceu o aumento de 2% no valor exportado, apesar da elevação em mais de 10% no volume. O petróleo foi o principal produto exportado, seguido das semimanufaturas de aço. Os destaques da lista das principais exportações com variação positiva são a gasolina (332%), o etanol (25%) e outras manufaturas (44%). Para a China, o volume exportado caiu 2,8% e a Argentina, que enfrenta recessão, registrou queda de 35,9% no volume e 38,4%, em valor.

O maior aumento nas importações foi registrado com os Estados Unidos, que tiveram de 13% de elevação no volume, seguido da China com 1,6% e recuo nos demais mercados. A principal importação do Brasil dos Estados Unidos são os óleos combustíveis e o principal produto exportado o petróleo bruto.

Na visão da FGV, o resultado mostra um comércio associado à questão da infraestrutura de refino no território brasileiro.

 

Fonte: Agência Brasil


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
02/07/2020 - ESTADO - Linhas de crédito emergenciais devem beneficiar 3 mil pequenos empresários de MS02/07/2020 - ESTADO - MS completa cinco meses de ações contra a crise do novo coronavírus02/07/2020 - ESTADO - MS completa cinco meses de ações contra a crise do novo coronavírus02/07/2020 - CORONAVÍRUS - Brasil registra 1.057 mortes por coronavírus em 24h; total de óbitos vai a 60.71302/07/2020 - ELEIÇÕES - Adiamento da eleição demonstra capacidade de ‘diálogo institucional’, diz Barroso01/07/2020 - POLÍCIA - ‘Só chorei a noite toda’, diz mãe de jovem sequestrada01/07/2020 - CORONAVÍRUS - Em novo recorde, MS tem 711 positivos em 24 horas e atinge 86 mortes por coronavírus01/07/2020 - POLÍCIA - Dançarino é condenado por 4 estupros e chegou a ter filho com uma das vítimas01/07/2020 - ESTADO - Em MS, pai que tentou ‘devolver’ filho afetivo, terá que continuar sendo pai01/07/2020 - POLÍCIA - Mulher é encontrada morta seminua em matagal e polícia procura por assassino01/07/2020 - POLÍCIA - Idoso morre soterrado a três metros de profundidade durante escavação de fossa01/07/2020 - ESTADO - Mil cestas básicas começam a ser entregues às famílias cadastradas pelo MPE que trabalham com reciclagem 01/07/2020 - DETRAN - Julho é mês de licenciar veículos com placas finais 5 e 601/07/2020 - ESTADO - Nova frente fria derruba temperaturas na primeira semana de julho30/06/2020 - PARANAÍBA – Bioquímico tira dúvidas sobre testes rápidos do Covid-1930/06/2020 - PARANAÍBA – Comércio fica liberado nos finais de semana30/06/2020 - EDITAL DE CONVOCAÇÃO DA APAE DE PARANAÍBA30/06/2020 - ENTRETENIMENTO - Lives de terça têm Sandra de Sá, Gabeu, Porchat, Teresa Cristina e mais 30/06/2020 - POLÍCIA - Mãe é presa por organizar festa de aniversário clandestina e oferecer bebidas a adolescentes30/06/2020 - POLÍCIA - Acusada de traição, mulher é espancada e ameaçada de morte pelo ex