Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 

ESTADO - Justiça Federal vai decidir destino de empresário ligado a esquema de milícia

13 de dezembro de 2019

 

O juiz Mário José Esbalqueiro Júnior, da 1ª Vara de Execução Penal de Campo Grande, alegou conflito de competência e encaminhou ao STJ (Superior Tribunal de Justiça) pedido de decisão sobre a manutenção do empresário Jamil Name no sistema penitenciário federal. O réu responde por formação de milícia ligada à execuções na Capital, no âmbito da Operação Omertà.

Além de Name, Jamil Name Filho, Márcio Cavalcanti da Silva e Vladenilson Daniel Olmedo  foram colocados em regime disciplinar diferenciado e encaminhados ao presídio federal de Mossoró (RN), ante as provas  organização criminosa, com atuação violenta em Mato Grosso do Sul.

Com relação a name, o Juiz Federal corregedor da unidade penal de Mossoró, acolheu integralmente o pedido da defesa para devolver o interno a Campo Grande. “Não adentrou à discussão sobre os requisitos legais para inclusão federal, mas apegou-se a argumentos sobre a idade avançada e problemas de saúde do preso”.

No entanto,  Ministério Público Estadual reforçou a periculosidade do empresário, provável líder de milícia, o que aumenta a preocupação com a ordem pública e segurança de testemunhas. “Penso ser o caso de propositura de conflito positivo de competência,na medida que o colega da Justiça Federal, decidiu de forma diferente daquilo já deliberado por este juízo estadual [..] defendemos a necessidade de inclusão definitiva do preso Jamil Name no sistema penitenciário federal”, disse o juiz. 

Fonte: Midia Max


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
24/01/2020 - ESTADO - Hospital Regional de Cirurgias amplia número de atendimentos para municípios da Grande Dourados24/01/2020 - ESTADO - Hospital Regional de Cirurgias amplia número de atendimentos para municípios da Grande Dourados24/01/2020 - ESTADO - Hospital Regional de Cirurgias amplia número de atendimentos para municípios da Grande Dourados24/01/2020 - ESTADO - Sedhast vai capacitar novos conselheiros tutelares de MS; inscrição já pode ser realizada24/01/2020 - ESTADO - Monitoramento eletrônico de tornozeleira do MS é referência nacional24/01/2020 - ESTADO - Inscrições abertas: UEMS oferta 2.163 vagas no Sisu 202024/01/2020 - ESTADO - Sexta-feira de sol entre nuvens e máxima de 34°C24/01/2020 - ESTADO - Refis: faça sua adesão e tenha até 95% de desconto sobre juros e multas23/01/2020 - ESTADO - Elucidado assassinato de Ingredi com relato de ações de terror e crueldade23/01/2020 - INTERNACIONAL - Após fuga em massa de membros do PCC, novo diretor é nomeado para presídio23/01/2020 - EDITAL DE PROCLAMAS N° 264523/01/2020 - ESTADO - Casal organiza festa pelo Whats e acaba preso por fornecer bebidas a menina de 13 anos23/01/2020 - ESTADO - Sisu: Medicina na UFMS de Três Lagoas tem a maior nota de corte nas universidades do Estado23/01/2020 - PARANAÍBA - ‘Guerra’ contra o Aedes segue por avenidas do município23/01/2020 - PARANAÍBA - Empresa investirá mais de R$8 milhões em Paranaíba23/01/2020 - ESTADO - UFMS oferece 210 vagas em cursinho que prepara para vestibular e prova do Enem23/01/2020 - ESTADO - Corpo de menina de 13 anos é encontrado enterrado em lavanderia com mãos e pés amarrados em MS23/01/2020 - ESTADO - Showtec: investimento em pesquisa potencializa agronegócio e safra de soja deve superar 10 milhões de toneladas em MS23/01/2020 - ESTADO - Quinta-feira com possibilidade de chuva forte em algumas regiões do Estado23/01/2020 - ESTADO - IPVA 2020: desconto de 15% vale só até o final do mês de janeiro