Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 

Edital de concurso para analistas do PAC deve sair em janeiro

28 de dezembro de 2007

No primeiro semestre de 2008, o governo federal deve divulgar edital de concurso público para a contratação de 884 analistas de infra-estrutura, com salários que variam de R$ 5,5 mil a R$ 10,6 mil por mês. Autorização nesse sentido foi dada pela Medida Provisória 407, publicada no diário Oficial da União (DOU) de ontem (27).

Os analistas de infra-estrutura desenvolvem atividades de planejamento, coordenação, fiscalização, assistência técnica e execução de projetos no âmbito do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Em medida enviada pelo Executivo em setembro e promulgada pelo Congresso no mês passado, foram criadas 84 vagas para analista sênior - com curso superior, pós-graduação e experiência mínima de 12 anos em funções equivalentes- e 216 cargos de analistas de infra-estrutura nas classes A, B e Especial, com salários que variam de R$ 5,5 mil a R$ 10,2 mil.

Pouco mais de um mês depois a MP 407 ampliou o número de analistas de infra-estrutura para 800, o que totalizou 884 novos cargos, todos de nível superior.

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão não divulgou a distribuição de vagas entre as categorias A, B e Especial, e falta definir o cronograma para realização do concurso e as etapas para contratações. Pode-se adiantar, porém, que quando todos forem contratados vão representar acréscimo de aproximadamente R$ 84,5 milhões por ano na folha de pagamento da União.

Além dos cargos para analistas de infra-estrutura, a MP 407 autorizou também, em caráter excepcional, a prorrogação, até 31 de julho de 2009, do prazo de validade dos contratos temporários em projetos de cooperação da administração direta, autarquias e fundações, com organismos internacionais.

A mesma MP prorrogou o prazo das gratificações de servidores requisitados pela Advocacia-Geral da União (AGU) até 31 de dezembro do ano que vem. Mesmo prazo para que as funções comissionadas técnicas do Ministério da Cultura e do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT) sejam restituídas, gradativamente, ao Ministério do Planejamento.

Fonte: Jornal Tribuna Livre Online


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
23/07/2019 - EDITAL DE PROCLAMAS N° 258023/07/2019 - PARANAÍBA - Paranaíba recebe R$500 mil para investimentos na saúde23/07/2019 - ECONOMIA - Abono do PIS/Pasep começa a ser pago nesta quinta23/07/2019 - ECONOMIA - Governo trabalha para evitar paralisação de serviços, diz secretário23/07/2019 - GERAL - Celular do ministro Paulo Guedes é hackeado22/07/2019 - POLÍTICA - Bolsonaro diz que apoia suspensão da tabela do frete22/07/2019 - GERAL - Ministro pede que ANTT suspenda novas regras para frete mínimo22/07/2019 - ECONOMIA - Com crise econômica, previdência privada vive momento de estagnação22/07/2019 - ESTADO - Reinaldo veta lei que criava site para registrar maus-tratos a animais22/07/2019 - INTERNACIONAL - Ataque violento contra manifestantes gera revolta em Hong Kong22/07/2019 - SAÚDE - Número de pacientes com hepatite cresce 20% em 10 anos no Brasil19/07/2019 - CHAMADA - ALTERAÇÃO DE TITULARIDADE AQUA GRANDE19/07/2019 - CHAMADA PÚBLICA DA ESCOLA ESTADUAL WLADISLAU GARCIA GOMES19/07/2019 - ESPORTE - Barcelona vai oferecer R$ 420 milhões mais dois jogadores por Neymar19/07/2019 - GERAL - Operação da Receita Federal identifica grupo que sonegava impostos19/07/2019 - POLÍTICA - Governo lista 47 ações realizadas em 200 dias de gestão 19/07/2019 - GERAL - Distribuidoras poderão vender gás de cozinha diretamente ao consumidor19/07/2019 - INTERNACIONAL - Pedidos de refúgio aumentam 6% na Alemanha19/07/2019 - EDUCAÇÃO - Canditados na lista de espera do ProUni devem comprovar informações19/07/2019 - ESTADO - Justiça concederá danos morais a paciente que aguardar mais de 60 dias por radioterapia