Notícias

2003 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 

Detran reduz valor de taxas, mas emplacamento fica mais caro

29 de dezembro de 2007

Entram em vigor no próximo dia 1º os novos valores das taxas de serviço do Departamento de Trânsito de Mato Grosso do Sul (Detran/MS). Com a revisão muitas tiveram diminuição, outras permaneceram inalteradas e uma foi extinta. A tabela será publicada e estará disponível no site www.detran.ms.gov.br no dia dois de janeiro.

A partir do ano que vem o usuário não precisará mais pagar 1 Uferms pela alegação de venda. O serviço é utilizado pelo ex-proprietário do veículo quer se eximir da responsabilidade por multas após a data da venda. A precaução é tomada porque algumas pessoas demoram a fazer a transferência.

Com a nova determinação cerca de duas mil pessoas serão beneficiadas mensalmente. “Entendemos que é direito do usuário fazer a alegação de venda, portanto não vamos mais cobrar por ela”, explicou o diretor-presidente do Detran/MS Carlos Henrique Santos Pereira.

Outra modificação que irá beneficiar o usuário é a taxa de remoção (guincho). De acordo com a antiga regra cobrava-se 3,5 Uferms, R$43,68 (quarenta e tres reais e sessenta e oito centavos) para remover o veículo leve por até 15Km. A partir daí eram cobrados R$ 16,59 (dezesseis reais e cinqüenta e nove centavos) por quilômetro rodado. Pela nova tabela o valor do serviço fica mantido, mas a distância limite aumenta para 30Km. O quilômetro extra rodado sofreu um decréscimo de 94%, passando a custar R$0,87 (oitenta e sete centavos).

Para veículos médios os valores são de 7 Uferms – R$ 87,36 (oitenta e sete reais e trinta e seis centavos), mais R$1,74 (um real e setenta e quatro centavos) por quilômetro rodado. A diferença é de R$41,94 (quarenta e um reais e noventa e quatro centavos) em relação à tabela antiga. Os veículos pesados foram separados dos médios e têm valor para remoção por até 30Km de 20 Uferms – 249,60 (duzentos e quarenta e nove reais e sessenta centavos). Por quilômetro extra rodado serão cobrados R$ 4,99 (quatro reais e noventa e nove centavos).

O serviço de emplacamento foi dos poucos a sofrer alta devido ao aumento nos custos. Passou de 1,09 Uferms – R$13,60 (treze reais e sessenta centavos) para 1,3 Uferms – 16,22 (dezesseis reais e vinte e dois centavos). O maior aumento está no emplacamento de ciclomotores que, devido ao uso de refletivos, será de R$ 48,66 (quarenta e oito reais e sessenta e seis centavos). “Os valores tiveram que ser reajustados apenas por causa do aumento do valor do serviço que é terceirizado. As placas refletivas também têm um custo maior, mas o retorno vem numa maior segurança para o condutor”, comentou Santos Pereira.

A nova tabela é reflexo da política do Detran/MS e do Governo do Estado de prestar serviços de qualidade, cobrando taxas compatíveis. Fonte: MS Notícias.

Fonte: Jornal Tribuna Livre Online


Comentários










Digite o código abaixo:

Trocar imagem


Essa notícia ainda não foi comentada.


« anterior [1] 2 3 4 5 6 7 8 próximo »
05/12/2019 - EDITAL DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL HANNE MACHADO HANS & CIA LTDA05/12/2019 - POLÍTICA - Deputados suspensos do PSL se reúnem com Maia para tentar manter Eduardo líder05/12/2019 - POLÍTICA - Em CPI, Joice diz que País é governado por filhos do presidente05/12/2019 - POLÍTICA - Justiça absolve Lula, Dilma, Palocci e Mantega no ‘quadrilhão do PT’05/12/2019 - ESPORTE - Fluminense empata com Fortaleza e fica em vantagem por vaga na Sul-Americana05/12/2019 - ESPORTE - São Paulo supera o Inter e garante vaga na fase de grupos da Libertadores05/12/2019 - POLÍTICA - ‘Tratados de forma adequada’: Coronel David comemora morte de membros de facção baiana em MS05/12/2019 - POLÍCIA - Fazendeiro de MS herdou rotas de narcotráfico do PCC após morte do sogro05/12/2019 - POLÍTICA - Deputados liberam Governo de MS para cassar aposentadoria de servidores punidos05/12/2019 - POLÍTICA - Simone Tebet reage e pede reunião da CCJ para analisar projeto da 2ª instância05/12/2019 - POLÍTICA - CPI da Energisa ouvirá engenheiro que comprovou falha em relógio e decreta sigilo05/12/2019 - POLÍTICA - ‘Carona’ na Pec de Reinaldo quer reajuste automático para servidores de MS com altos salários05/12/2019 - ESTADO - Com medo de conflito fundiário, fazendeiro de Dourados fabrica trator blindado para plantar05/12/2019 - ESTADO - Saúde do homem é destaque em ações realizadas com reeducandos durante o mês de novembro05/12/2019 - ESTADO - Detran-MS registra aumento de 8% na frota de veículos do Estado nos últimos 3 anos05/12/2019 - ESTADO - Campo Grande sedia reunião ampliada do Conselho Estadual de Assistência Social05/12/2019 - ESTADO - Leilão da MS-306 acontece nesta quinta-feira (5) na Bolsa de Valores de São Paulo04/12/2019 - ESTADO - Pontes de alvenaria: Vaz intercede por assentados04/12/2019 - PARANAÍBA - PF prende dez pessoas e apreende 7 aviões em operação contra tráfico internacional de drogas04/12/2019 - ESTADO - Campanha “MS Unido, Paz nas Famílias” será lançada nesta quarta-feira